Médicos sem Fronteiras!

Médicos sem Fronteiras!
Médicos sem Fronteiras! Doe 30 reais por mês...

Canal do Gaaia no youtube!

Loading...

sexta-feira, 18 de abril de 2014

Sexta feira Santa sem lixeiras na trilha!

Sexta feira Santa sem lixeiras na trilha!


 Este ano resolvemos não colocar lixeiras na trilha como foi feito nos anos anteriores, isso servirá de alerta para a necessidade de levar a sério os pontos turísticos do município, onde pelo menos lixeiras e o mínimo de estrutura para turistas têm que ser feito! Turistas de toda a região visitam semanalmente o Botucaraí e viam uma trilha limpa, mas não pela preocupação de muitos; e sim a preocupação de poucos.

Poucos não ocupavam as lixeiras na trilha durante a sexta feira,mas no restante do ano é que eram deixados restos de alimentação, acho que por esquecimento e também por falta de lixeiras fixas no topo, na trilha e principalmente ao redor da fonte.Tínhamos que catar latas, litros, sacolas fora da trilha,também abaixo do mirante,( lugar de difícil acesso e ainda não conseguimos limpá-lo totalmente) sinal que sempre é jogado lixo de lá ainda.
 Os pequenos papéis como de bala e outros é que também dificulta a limpeza, e para que vê na trilha, sempre o comentário é inevitável,mas daqueles que tem uma consciência e um sentimento diferente em relação a nosso pontos turísticos. 




Durante os finais de semana o Botucaraí é visitado por turistas de toda a região, só quem esta por lá para perceber quanto é importante disponibilizar o mínimo de estrutura e informações da qualidade da água. Para estes turistas é indispensável saber que água está sendo consumida, todos que vem conhecê-lo, sempre coletam e consomem está água dita milagrosa ; podemos dizer que este ponto turístico é mais estadual que municipal!






O Morro Botucaraí sempre foi usado como um recurso renovável,que não é!
 Todos os dias arrancam-lhe um naco de sua riqueza, esta predação durante anos conseguiu destruir com boa parte das bromélias,e os animais que reproduzem e vivem em função dela,isso e inúmeros outro exemplos de destruição de ciclos de diversidade de flora e fauna, preocupa mas ainda não sensibilizou um numero maior  de entidades, só a devastação total da avifauna que preocupa no momento.

  Desde os anos em que seu topo foi devastado, onde arvores centenária foram cortadas; pois bem isso ainda não parou, que vai andando pela trilha, no topo, em seu entorno, sempre tem um vestígio de desmatamento.




Não está longe a ordenação através de lei para o uso do Botucaraí com consciência de mantê-lo intacto para nossas futuras gerações; hoje assim como está não suportará tal declínio de flora e consequentemente a fauna rapidamente também desaparece e se extingue;  desde quando ele foi tachado como santo e usado constantemente sem nenhum cuidado ele tranquilamente já perdeu mais de 40% de tudo que existia em seu entorno.

Marcelo Coimbra da Silva/Grupo Gaaia.